(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Reajuste

Passagens aéreas podem sofrer reajuste

As companhias aéreas devem apresentar, em até 10 dias, um plano ao governo federal

Por Redação

As companhias aéreas devem apresentar, em até 10 dias, um plano ao governo federal para tentar diminuir o aumento no custo das passagens. A afirmação é do ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, que se reuniu com representantes das companhias aéreas na noite desta terça-feira (14/11), em Brasília.

Em alguns casos, é possível comprar passagem a R$ 200, R$ 300, R$ 400, em alguns trechos. No entanto, tem outros que saíram de R$ 1,5 mil para R$ 3,5 mil, R$ 4 mil. Já o preço do querosene da aviação baixou cerca de 14% este ano.

De acordo com a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), as passagens aéreas, que já tinham ficado 13,47% mais caras em setembro, subiram 23,70% em outubro, causando o maior impacto na inflação oficial do país no mês passado.

o setor aéreo foi um dos que mais sofreu durante a pandemia, por conta das medidas de isolamento social. O mercado brasileiro representa mais de 70% do segmento em todo o mundo, com impactos anuais de R$ 1 bilhão para as empresas de aviação.

WhatsApp
Facebook
X
Telegram