Após acalorado debate na Assembleia Legislativa do Ceará, moradores de Fortaleza foram incluídos no Passe Livre – (Foto: Cleydson Souza)

Passe Livre

Quando começará a ser implementado o Passe Livre Metropolitano?

O programa vai garantir que moradores da Região Metropolitana de Fortaleza e da capital possam fazer o traslado entre as duas localizações de forma gratuita

Promessa de campanha do governador Elmano de Freitas, o Passe Livre Metropolitano, batizado de “VaiVem Livre”, deve ser implementado ao longo de 2024. Aprovado na Assembleia Legislativa por unanimidade nesta quarta-feira (29/11), o programa vai garantir que moradores da Região Metropolitana de Fortaleza e da capital possam fazer o traslado entre as duas localizações de forma gratuita.

Em entrevista à imprensa em julho de 2023, Elmano revelou que seriam necessários cerca de R$250 milhões para viabilizar a implementação do programa. Segundo o líder do Governo na Assembleia, deputado estadual Romeu Aldigueri (PDT), serão aplicados R$50 milhões no Passe Livre Metropolitano. Desta quantia, 20% será alocado para garantir que estudantes tenham acesso ao benefício.

Acesso

De acordo com o documento da matéria que chegou à Casa de Leis, os contemplados com o “VaiVem Livre” devem ter acesso a um cartão eletrônico para utilização em sistema de bilhetagem. A expectativa é que o sistema em questão seja disponibilizado pelos operadores dos transportes metropolitanos.

De posse do cartão, usuários do sistema poderão acumular créditos personalizados e intransferíveis. Para um controle da medida, os dados estarão vinculados ao número do CPF do beneficiário. Após as emendas realizadas ao projeto, moradores de Fortaleza foram incluídos no Passe Livre Metropolitano. Após aprovado por unanimidade, o texto segue para sanção do chefe do Executivo.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram